Archives

Written by Muriel Paraboni

jan 07

2017

0

comentários

Exposição individual

No dia 5 de setembro às 17H acontece a abertura de Terra, primeira exposição individual de Muriel Paraboni. A mostra foi selecionada no Edital 013/2015 para ocupação da Sala Cláudio Carriconde, no Centro de Artes e Letras – CAL/UFSM, e reune um conjunto de obras significativas das diversas mídias que vem fazendo parte da poética do artista nos últimos anos: vídeo, fotografia, pintura, objeto, poesia, instalação.

Cartaz/Convite - Frente

Cartaz/Convite – Frente

Tendo participado de 14 mostras coletivas desde 2012, em cidades como Porto Alegre, Caxias do Sul, Novo Hamburgo, Santa Maria e Santa Cruz, “Terra” é a primeira exposição individual do artista, que também é pesquisador em poéticas visuais, mestrando em artes pelo Programa de Pós-Graduação da UFSM. “A proposta é  trazer tanto obras já realizadas e inéditas como outras em processo, desenvolvidas especialmente para a exposição”, explica Muriel.

Convite - Verso

Convite – Verso

“Terra” é o núcleo conceitual da mostra, ligando os primeiros movimentos do artista aos projetos atuais. “A terra surge como tempo e lugar, como imagem e cor, como movimento e repouso”, define. “O objetivo é deflagrar experiências, provocar reflexões sobre aquilo que nos conforma como parte dos ciclos geológicos do mundo”. O período de visitação vai até 18 de setembro, se segunda à sexta, das 9h às 17h. No dia 15 de setembro às 10H haverá bate-papo aberto ao público.

Encontro com o artista - Convite

Encontro com o artista – Convite

nov 22

2015

0

comentários

Expondo processos

O vídeo-arte Dissolução #1 foi apresentado em setembro na mostra coletiva dos Laboratórios de Arte e Tecnologia do Programa de Pós-Graduação em Artes (PPGART) da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), no Teatro Caixa Preta, Prédio 40 – CAL. O experimento é parte integrante da obra em processo A dissolução da paisagem.

 

11988499_880717098672123_6993207287156497224_n corteb

 

A vídeo-instalação Dissolução #2 foi montada em novembro na exposição coletiva do Labotarório Interdisciplinar Interativo – LabInter, na Sala Cláudio Carriconde, Prédio 40 – CAL/UFSM. É o segundo experimento da obra em processo A dissolução da paisagem, dessa vez espacializada no ambiente da galeria.

 

10384476_126637174359745_5878832595213933366_n

ago 22

2015

0

comentários

Em movimento

A itinerância da mostra “Arte + Arte – Edição Fotografia” levou desta vez para Caxias do Sul a obra Livre Arbítrio, série de fotos digitais que já haviam passado pelo Museu de Direitos Humanos do Memorial do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre, e pela Casa das Artes Regina Simonis, em Santa Cruz do Sul. A mostra aconteceu em agosto na Galeria de Arte do Campus 8, na Universidade de Caxias do Sul (UCS), com realização da Associação Francisco Lisboa.

11836661_520935984736057_7737564961074057217_n

De setembro à dezembro foi a vez da pintura Carne na Tábua (2015) participar da mostra “Coletâneas Artísticas”, realizada no Espaço Cultural Francisco Lisboa, sede da Associação Riograndense de Artistas Plásticos. A mostra fez parte da Bienal C, evento paralelo à Bienal do Mercosul, reunindo mais de 200 artistas em exposições por diversos pontos de Porto Alegre.

12042694_1042602329091861_7047579750722313298_n